Milho: chuvas regulares melhoram condições das lavouras da safra de verão

07/11/2017 18:17:56

As lavouras de milho, muito afetadas pelas pragas que devoraram as plantas, e sem possibilidade de tratamento devido ao estresse hídrico, devem fluir bem nos próximos dias por conta das chuvas regulares que começam a cair em quase todas as regiões do país.

Apesar das perdas já consolidadas das primeiras áreas, as plantações de outubro estão em boas condições e, assim, as estimativas de colheita, que giravam entre 18 milhões a no máximo 22 milhões de toneladas, cresceram para 20 milhões até 23 milhões de toneladas, frente às 30,5 milhões de toneladas do último ano. Mesmo em circunstâncias melhores, a safra será bem menor devido à forte queda na área plantada.

As pouco mais de 20 milhões de toneladas que devem ser colhidas abastecerão por cerca de 4 meses o mercado interno, mostrando que a safrinha terá um papel muito importante no abastecimento do consumo brasileiro em 2018. Como o volume da safra de verão não atenderá o primeiro semestre, será necessário também o uso dos estoques de passagem a partir do mês de fevereiro, já sinalizando que, para o milho, o próximo ano será bastante diferente do fraco 2017.

Fonte: Brandalizze


Siga a Arysta